O AMOR

by Fernando Pessoa

O amor, quando se revela,
Não se sabe revelar.
Sabe bem olhar pra ela,
Mas não lhe sabe falar.

Quem quer dizer o que sente
Não sabe o que há de dizer.
Fala: parece que mente
Cala: parece esquecer

Ah, mas se ela adivinhasse,
Se pudesse ouvir o olhar,
E se um olhar lhe bastasse
Pra saber que a estão a amar!

Mas quem sente muito, cala;
Quem quer dizer quanto sente
Fica sem alma nem fala,
Fica só, inteiramente!

Mas se isto puder contar-lhe
O que não lhe ouso contar,
Já não terei que falar-lhe
Porque lhe estou a falar…

 * Veja o que o amor faz!

Anúncios

27 responses to this post.

  1. Gosto dos poemas de Fernando Pessoa e este então, é maravilhoso!Ah… O amor é mesmo engraçado.É capaz de deixar as pessoas mais tímidas, mais vulneráveis. Um só olhar e pronto, o amor pode se revelar! E quando se está perto da pessoa amada aí é que é difícil esconder ou controlar. O corpo fala mais alto do que se pode imaginar; é a voz que fica mais suave, é a mão que treme, é o sorriso que fica mais contente! E desta forma, muitas vezes nem é preciso colocar em palavras o que se sente. Como disse Pessoa: "Já não terei que falar-lhePorque lhe estou a falar." Tão gostoso de ler este poema!! :)Obrigada pelo compartilhamento.Beijos e abraços!! 😀

    Curtir

    Responder

  2. OláExpressão do amo r poemas, nada melhor.bjs

    Curtir

    Responder

  3. Eu que sou romântica assumida, atualmente, me identifiquei com o poema! ><Você sempre põe textos belíssimos aqui, adoro seu blog!Estava com saudades de passar por aqui, mas teve um tempinho que não estava conseguindo acessá-lo! Beijoshttp://oiflordeliz.blogspot.com.br

    Curtir

    Responder

  4. Kinha, amiga muito querida. O pior é que a gente fica meio "borocoxo" mesmo, rs…rs.Beijos

    Curtir

    Responder

  5. Obrigado por sua visita e comentário. Volte bsempre que puder e uma ótima semana para você também.Um abraço

    Curtir

    Responder

  6. Belo poema. E é assim mesmo que a gente fica quando ama…

    Curtir

    Responder

  7. Oi amigo, tudo bem? Vim conhecer seu blog e achei muito interessante, já estou te seguindo. Aproveitando, gostaria de convidá-lo a fazer uma visitinha ao meu blog, onde posto minhas poesias, se gostar, ficarei muito honrado em tê-lo como seguidor. Ótima semana pra você. Abraços do amigo Bicho do Mato.

    Curtir

    Responder

  8. Bah, que gostoso ver você por aqui. Super rapidinho, não é?Gostei da sua descrição de escolha de postagem e aprendi mais uma com você: Para conseguir interpretar o mistério do amor, é preciso vivê-lo.Concordo e assino embaixo.Kisu!

    Curtir

    Responder

  9. Mara, amiga muito querida. Você tem razão. As palavras não se adequam para uma explicação.Beijo carinhoso no coração

    Curtir

    Responder

  10. Marisa, obrigado por sua presença e comentário por aqui. Fiquei muito feliz por isso. Volte sempre que puder

    Curtir

    Responder

  11. Parabéns pelo belo trabalho em seu Blog, gostei muito…

    Curtir

    Responder

  12. Carla Renata, o amor te ama. Dê uma chance…rs.bjoooooo

    Curtir

    Responder

  13. Olá, vim conhecer o seu cantinho. Já te adicionei na lista de blogueiros para acompanhar :)E pra começar, nada melhor que o amor! Ahhhh o amor é tão grande e tão cheio de interpretações, que é preciso vivê-lo para sabê-lo.Kisu!

    Curtir

    Responder

  14. amor .. ah o amor.. "sandice"….bjooooo

    Curtir

    Responder

  15. Manoel, Fernando Pessoa não tem como explicar tamanha suavidade em suas palavras. O amor…simplesmente assim.Bjo no coração meu querido.

    Curtir

    Responder

  16. Cris, adorei o seu modo de interpretar a idéia do Pessoa. É isso mesmo.Grande beijoManô

    Curtir

    Responder

  17. Dulce, você disse bem. Não há mais nada a dizer…Obrigado pelo carinho, Dulce!

    Curtir

    Responder

  18. Manô,As palavras não comportam tanta coisa… O amor então, parece travá-las, na língua, nos dedos, no olhar… Pessoa fechou bem quando conclui que o silêncio é o que melhor expressa o amar. Gr. Bj.!

    Curtir

    Responder

  19. A poesia deste enorme artista deixa-me sempre sem palavras. Tal como ele descreve, não há mais nada a dizer…Perfeita escolha, Manoel! => Crazy 40 Blog

    Curtir

    Responder

  20. #*Marly Bastos*#, você traduziu bem o espírito da coisa. A solução é mesmo a escrita.Um domingo maravilhoso.Doces beijocas para a querida amiga

    Curtir

    Responder

  21. Adriana, postei isso porque não é só você que é assim não. Enfim, o que o amor não faz!Beijos

    Curtir

    Responder

  22. O amor dá um nó no coração da gente, e o Pessoa dá um nó no cérebro, já que ele diz e desdiz. O amor é uma deliciosa confusão, grita com os olhos e trava a língua. Que bom que existe a escrita pra gente mediar isso né?bjks doces Manoel e um bom domingo.

    Curtir

    Responder

  23. Essa parte sou eu toda:Mas quem sente muito, cala;Quem quer dizer quanto senteFica sem alma nem fala,Fica só, inteiramente!Sou dessas, calo, não falo. Só sinto e pronto. Errado, eu sei. Mas não consigo expressar com palavras o que eu sinto. É mesmo, o que o amor não faz!Amei o post. (falei!!!)BeijosAdriana

    Curtir

    Responder

  24. Janice, o que é existir?

    Curtir

    Responder

  25. Amor, amor, amor,. . . será que existe ?

    Curtir

    Responder

  26. Inaie, bem acompanhado e trazendo o amor para todos, kkk.

    Curtir

    Responder

  27. Você está de volta… e acompanhado do Pessoa. Oba!

    Curtir

    Responder

MUITO BOM COMPARTILHAR COM VOCÊ !

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Antes de Adormecer

Sobre amor e outras coisas

Um Palco de Teatro

Poesias, Textos, Frases e Reflxões sobre o amor e a vida.

Sopa de Letras

Literatura, Cinema, Música, Educação e outros temas.

ESTRANHAMENTE

#poesia #crônica #fotografia

versaopaulo

cultura e história da cidade

Vida Legal

Porque a vida é muito mais interessante que a ficção.

imperfeitoparaiso

Aleatoriedades

Blog do Óbvio

Assuntos Diversos e Diversos Assuntos

A DOSE DO DIA

O dia mais bem humorado da semana ;)

frascodememorias.wordpress.com/

“Le souvenir est le parfum de l´âme” – (George Sand).

Meio pão e um livro

Eu, se tivesse fome e estivesse à míngua na rua, não pediria um pão; pediria meio pão e um livro. (García Lorca)

O Outro Lado

Porque o melhor lado é o dentro

Abstract Art by Sharon Cummings

An artist with an irresistible urge to create!

Compasso Lento

Leia com passo lento...

Devir

O que vejo, sinto e imagino em letras.

Posso Dar Uma Dica?

Dicas para facilitar o dia a dia

essa tal de Alemanha

Crônicas do dia a dia

Letíciando

por Letícia Siller

Clau Assi, poesias.

Sonhos, realidades e poesias.

EscreViver

"O que é mais difícil não é escrever muito; é dizer tudo, escrevendo pouco" [Júlio Dantas]

It's a very deep sea

Um site sobre palavras

El Diver

a vida em todas as suas divergências

o meu sofá cinzento

espaço reservado a desabafos tipo assim um bocadinho "crazy" "or not"

Vida de Mil Fases

São fases da vida,elucubrações variadas. É um túnel do tempo, é uma realidade inventada.

Pensamentos In_Versos

No vício da escrita, encontram-se os ditos, os amantes, os gritos internos e todos os avessos...

Trotamundos

by Tati Sato

Simplesmente Lola

Eu e minhas aventuras

Bloco de notas

Escrever é como uma terapia, um socorro, uma esperança. Estando feliz, apaixonada, triste, decepcionada escrevo, pois sei que lendo-me consigo me entender. Escrever é como fugir para um mundo secreto, meu universo particular onde não é proibido sonhar.

Minha Vida Comigo

Um câncer foi o gatilho que me fez querer viver a vida como protagonista. Vânia Castanheira - Medical, Health & Wellness Coach - ACC/ICF

Catarina voltou a escrever,

com vírgulas, pontos e dúzias de reticências...

Mariel Fernandes

A vista do meu ponto e outros pontos de vista

This German Life

um blog sobre nós dois (três) e a Alemanha

Diário de uma Teimosa

dicas de Estocolmo e da vida na Suécia

Eis a questão ...

Um blog realmente pessoal, que guarda um pouquinho de tudo aquilo que a autora gosta, faz, inventa, cozinha, desenha. Por isso, não precisa fazer sentido, não tem pretensões de seguir uma linha ou chegar a algum lugar específico: apenas existe para registrar, guardar e compartilhar um pouco dessas coisas de Olivia.

Sacudindo as ideias

Exercícios literários, escrita solta, pensamentos...

%d blogueiros gostam disto: