APRENDA COM OS FILHOS

Os pais são educados mediante a educação dos filhos. A razão é muito simples: ninguém pode ensinar o bem sem vivê-lo; não dá para falar em honestidade para o filho, sem praticar esta virtude; e assim por diante.

Não só na exigência da prática das virtudes para poder bem educar, mas também em muitas outras coisas somos educados enquanto educamos, e assim, a família se torna, também para os pais, um educandário.

Ao educar os filhos você vai notar que nem sempre tudo sai bem, como a gente quer, então somos obrigados a exercitar a paciência, a tolerância, a bondade, etc. Muitas vezes aprenderemos que é preciso esperar e ter fé. Aprendemos que o trabalho em equipe é melhor, que a perseverança foi fundamental para resolver aquele problema.

Certa vez um dos nossos filhos, com apenas oito anos de idade nos deu uma grande lição, sem dizer nada. Era nosso costume rezar o Terço com eles desde pequenos; e um dia, antes da oração, eu lhes contei que algumas pessoas rezavam o Terço em cruz, isto é, com os braços abertos e na horizontal, como penitência. Contei isto sem pretensão alguma de que eles o fizessem. Mas qual não foi a nossa surpresa quando o menino nos disse: “pois eu hoje vou rezar o Terço em cruz!”. E ficou com os braços abertos por mais de vinte minutos até que tudo terminasse.

Por mais que eu insistisse com ele que já estava bom, que podia baixar os braços, não o consegui convencer. Fiquei abismado! Aprendi a respeitar mais a criança.

Outra vez tive que passar uma noite em claro no hospital com um deles com uma crise aguda de bronquite. Quanta coisa se aprende quando se passa uma noite em claro em um hospital…

Quantas lições de caridade, bondade, meiguice, pureza, naturalidade, espontaneidade, as crianças nos dão. Não é à toa que Jesus disse que para entrar no Reino dos céus temos que nos “tornar crianças”.

Elas nos dão grandes lições: não se preocupam com o dia de amanhã, vivem intensamente o presente, confiam em alguém com todo o coração, não se dão ao luxo e aos caprichos dos adultos. Não fazem discriminação de pessoas e se adaptam com facilidade a qualquer lugar.

* Simples e real. Não acham???!!!

(Trecho extraído do livro “Educar pela conquista e pela fé”)

Anúncios

16 responses to this post.

  1. Anne, pela bagagem que você tem, sei que aprendeu e aprende muito com elas.bjs

    Curtir

    Responder

  2. Manuel eu adorei esse texto e não é de hoje que aprendo demais com as crianças!bjs,

    Curtir

    Responder

  3. Bah, acredito nisso! Como amiga e companheira você tem se demonstrado exemplar. Gosto muito de você.Kisu!

    Curtir

    Responder

  4. VERINHA, verdade mesmo. É comum o pessoal dizer: "tal pai, tal filho". O segredo é estar sempre pronto para dar bons exemplos.Um beijo com carinho para você

    Curtir

    Responder

  5. ✿ chica, que coisa boa! Isso não é um comentário, é um depoimento. Vale a pena mesmo!Um abraçãoManoel

    Curtir

    Responder

  6. Não sei, não tenho filho. Mas na visão de mim como filha, acho que minha mãe tem vaga garantida do céu auahuahauaKisu!

    Curtir

    Responder

  7. Olá Manoel.Excelente texto. Muitas vezes escutei que o pai é o espelho do filho e concordo, vemos muitos filhos seguindo o mesmo caminho do pai, tantas em modelos bons quanto os ruins. Pais são falhos e não sabem tudo, tem que existir a humildade para aprender também com os filhos, por este motivo tem que haver muito dialogo.Deixo meu carinho. Beijos.

    Curtir

    Responder

  8. Muito lindo,Manoel e verdadeiro também! Tive 4 filhos, hoje tenho 6 netos e estou sempre aprendendo com eles. Vale a pena! abração,chica

    Curtir

    Responder

  9. Sandra, muito legal esse seu ponto de vista. Seus pais devem ficar muito felizes por isso.Um maravilhoso final de semana para você também.Um grande abraço!

    Curtir

    Responder

  10. Janice, concordo. Ninguém consegue dar o exemplo do que não tem .beijos!

    Curtir

    Responder

  11. Eu não tenho filhos, mas se um dia os tiver, quero educá-los tão bem quanto fui pelos meus pais! Hoje sei que mesmo "errando" eles acertaram!! Um abração Manoel e bom final de semana!!!

    Curtir

    Responder

  12. Os pais dão o que tem.beijos!!

    Curtir

    Responder

  13. Adriana, duas coisas que eu achei importante para mim. Viver o hoje sem pensar no amanhã e me preocupar mais com dar exemplos construtivos para elas.Beijos

    Curtir

    Responder

  14. Rovênia, nós até podemos saber muito, contudo muitas vezes não sabemos usar nosso conhecimento. Falta um pouco de pureza no nosso coração.Um maravilhoso final de semana para você também!

    Curtir

    Responder

  15. Manoel,que texto lindo esse. É mesmo, temos que ser como crianças e aprender com o coração e viver o hoje sem pensar no amanhã. Quanta lição uma criança nos dá. Mas temos que também ser exemplos bons para elas.BeijosAdriana

    Curtir

    Responder

  16. Eu aprendo todos os dias com esses pequenos. Aprendi a respeitá-los. São pequenos, mas são pessoinhas com suas verdades. Nós é que achamos (puro equívoco) que sabemos mais.Texto curto, claro, e que diz tudo. 🙂 Feliz fim de semana, querido Manoel!

    Curtir

    Responder

MUITO BOM COMPARTILHAR COM VOCÊ !

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

PANELA EUROPÉIA

O mundo numa panela só

Um Palco de Teatro

Poesias, Textos, Frases e Reflxões sobre o amor e a vida.

Sopa de Letras

Literatura, Cinema, Música, Educação e outros temas.

versaopaulo

cultura e história da cidade

Vida Legal

Porque a vida é muito mais interessante que a ficção.

imperfeitoparaiso

Aleatoriedades

Blog do Óbvio

Assuntos Diversos e Diversos Assuntos

Poesias e Cia - Ana de Lourdes Teixeira

Sem pretensões... O único desejo é compartilhar com as pessoas o que escrevo.

A DOSE DO DIA

O dia mais bem humorado da semana ;)

Realize Criatividade

por Patrícia de Azevedo

frascodememorias.wordpress.com/

“Le souvenir est le parfum de l´âme” – (George Sand).

Blog Caderno da Lua

#ApoioAutoresNacionais

Meio pão e um livro

Eu, se tivesse fome e estivesse à míngua na rua, não pediria um pão; pediria meio pão e um livro. (García Lorca)

O Outro Lado

Porque o melhor lado é o dentro

Abstract Art by Sharon Cummings

An artist with an irresistible urge to create!

Compasso Lento

Leia com passo lento...

Devir

O que vejo, sinto e imagino em letras.

Posso Dar Uma Dica?

Dicas para facilitar o dia a dia

essa tal de Alemanha

Crônicas do dia a dia

Letíciando

por Letícia Siller

Clau Assi, poesias.

Sonhos, realidades e poesias.

EscreViver

"O que é mais difícil não é escrever muito; é dizer tudo, escrevendo pouco" [Júlio Dantas]

It's a very deep sea

Um site sobre palavras

Divergências Vitais

Memórias, dicas e "causos" de uma brasileira vivendo na Alemanha.

o meu sofá cinzento

espaço reservado a desabafos tipo assim um bocadinho "crazy" "or not"

Vida de Mil Fases

São fases da vida,elucubrações variadas. É um túnel do tempo, é uma realidade inventada.

Pensamentos In_Versos

No vício da escrita, encontram-se os ditos, os amantes, os gritos internos e todos os avessos...

Trotamundos

by Tati Sato

Simplesmente Lola

Eu e minhas aventuras

Bloco de notas

Escrever é como uma terapia, um socorro, uma esperança. Estando feliz, apaixonada, triste, decepcionada escrevo, pois sei que lendo-me consigo me entender. Escrever é como fugir para um mundo secreto, meu universo particular onde não é proibido sonhar.

Minha Vida Comigo

Um câncer foi o gatilho que me fez querer viver a vida como protagonista. Vânia Castanheira - Medical, Health & Wellness Coach - ACC/ICF

Catarina voltou a escrever,

com vírgulas, pontos e dúzias de reticências...

Mariel Fernandes

A vista dos meus pontos

This German Life

um blog sobre nós dois (três) e a Alemanha

Diário de uma Teimosa

dicas de Estocolmo e da vida na Suécia

Eis a questão ...

Um blog realmente pessoal, que guarda um pouquinho de tudo aquilo que a autora gosta, faz, inventa, cozinha, desenha. Por isso, não precisa fazer sentido, não tem pretensões de seguir uma linha ou chegar a algum lugar específico: apenas existe para registrar, guardar e compartilhar um pouco dessas coisas de Olivia.

Sacudindo as ideias

Exercícios literários, escrita solta, pensamentos...

%d blogueiros gostam disto: