O FRUTO DE UMA SOCIEDADE QUE NÃO PENSA

Imageby Daniel Machado

“Se você acha que o João deve ser eliminado disque 0800 tra-la-lá, tra-la-lá. Mas se você acha que o eliminado deve ser o Mané disque 0800 tre-le-lé, tre-le-lé. Decida quem será o eliminado desta noite”.

 

Não sou um rapaz tão velho, também não sou novinho, mas nos últimos anos, nunca ouvi tanto – sobretudo na TV – o verbo “eliminar”. Talvez levaram para a telinha uma cultura que há anos o ser humano vem fazendo com o seu próximo, o que me leva a recordar uma máxima de Tomas Hobbes : “O homem é o lobo do homem”.

 

Cá entre nós, não sei mais que reflexão fazer dos programas de televisão como os “reality shows”, que a cada dia confinam pessoas em casas, fazendas e ônibus, como a única alternativa de atrair os telespectadores. Mas penso também que esses programas são apenas expressão de uma sociedade que já não reflete.

A sensação é de que zombam de nossos sentimentos e brincam com nossos instintos. Você se torna o pré-adolescente que ficou lá atrás, aquele mesmo que espiava a vizinha pela janela todos os dias, buscando algo diferente. Mas agora a janela é a sua sala, e você não está sozinho, pois ao seu lado está sua filha, seu filho, seu esposo(a), seus netos…

 

Não importa a cena, se é de briga com palavrões e “piiii” ou algo se mexendo debaixo do edredom, não importa se tem uma criança na sala ou um idoso, você está curioso e não pode esperar a próxima oportunidade para dar uma “espiadinha na casa”. Semana a semana, o seu telefone se torna como a “maçã do paraíso”, quase impossível de resistir: “disque agora mesmo e decida quem será o eliminado da semana” diz o apresentador de TV com uma trilha sonora estilo Alfred Hitchcock de fundo.

 

Tenho a sensação de que estão se referindo a algum tipo de animal selvagem, briga de galo, corrida de lebre, mas não, se trata de seres humanos desesperados por dinheiro e fama tal qual as crianças da Somália por um prato de comida.

 

Conteúdo do programa? Não existe, pois querem a excitação dos instintos, da curiosidade, do que há de pior em nós. Você vai do céu ao inferno de capítulo em capítulo. Vira carrasco de si e dos outros a cada 0800. Pouco a pouco se torna parte da cultura da eliminação. Valores como perdão, amabilidade, mansidão, amor ao próximo, se evaporam como chuva de verão em chão quente. Você se diz cristão, mas quando assuntos como aborto, eutanásia, pena de morte, são expostos, já está lá, no seu inconsciente, um princípio de eliminação, e não fica difícil aceitá-los.

 

Você vê uma criança desnutrida debaixo de um viaduto, em um semáforo ou lixão, e nem imagina que também ela é fruto de um telefonema: “Basta ligar no 0800… o custo é de R$ por minuto”. Diz o apresentador zombando do seu senso de compaixão.

 

São programas tipo “reality shows” que esvaziam a nossa inteligência e provocam em nós uma imbecilidade crônica. Estão nos ensinando o bê-á-bá da burrice e da indiferença.

 

E você? Já eliminou alguém hoje?

 

“Com 43% dos votos o eliminado desta noite foi….”. Diz o apresentador da TV em nossas vidas.

* O que acham disso???!!!

Anúncios

20 responses to this post.

  1. Hoje as notícias estão pipocando na tela do computador sobre o fato que ocorreu entre duas mulheres no BBB. Se beijaram e mostraram os seios publicamente. Para todos verem. Eu, você, as crianças, os idosos. Os idosos ficam escandalizados, nós, da meia idade ficamos sem entender bem tudo o que acontece, as crianças crescem com esse pensamento de que tudo isso é normal. Isso me preocupa.
    Não sou homofóbica. Respeito. Tenho amigos homossexuais. Mas a mídia quer empurrar toda essa pornografia pra dentro de nossas casas.
    Aqui não assistimos. Não vemos graça, não nos faz bem.
    Chego no serviço estão conversando sobre isso…

    Quero um mundo mais inteligente, mais pensante. Será que teremos?

    Curtir

    Responder

    • AnaVi, eu escreveria exatamente o que você escreveu nesse comentário. Eu estou vivo e participo desse mundo, contudo não sou obrigado a compartilhar deturpações que a mídia impõe. Antes eu me preocupava com isso e até conversando com um padre muito amigo meu ele disse. Podemos dar nossa opinião mas não percamos tempo discutindo. Quem quiser assistir (estando conscientizado) que assista. Somos livres e temos a oportunidade de escolher o melhor para nós e nossa família.

      Adorei isso que você escreveu:
      “Quero um mundo mais inteligente, mais pensante.”

      Só posso dizer amém a isso, não é?
      Um beijo no seu coração

      Curtir

      Responder

  2. Manoel, para mim, os reality shows não passam de pão e circo modernos.A mensagem é a mesma, só muda a embalagem. E o povo? Cada vez mais pobre(em todos os sentidos), mais alienado, mais controlado.Mas e daí se a vida é difícil? É só ligar a asneira que o indivíduo digere as infelicidades da vida rapidamente.

    Curtir

    Responder

  3. Não consigo assistir reality shows. A não ser aqueles tipo “Guerra dos Cupcakes”.
    Acho extremamente inútil ficar assistindo a vida de pessoas. E as que assistem, preferem quando tem alguma briga, ou fofoca.
    Beijos

    Curtir

    Responder

  4. Manoel,

    Eu tenho verdadeiro horrrrorrrr deste programa. Só assisti uma unica vez, que foi o numero 1, bastante diferente do que foi se transformando. Uma cabeça vazia que vai perder o tempo precioso com aquela M.

    Bjs

    Curtir

    Responder

    • Sissym, amiga do coração. O programa é um lixo mesmo. Não faço ideia se a audiência é boa, mas se for significativa é hora de fazermos uma reflexão nos perguntando “a que viemos nesse mundo” não é?
      Ruim demais, kkk!
      Um beijinho com muito carinho na amiga

      Curtir

      Responder

  5. Manoel desde que surgiu esses programas, que para muitas pessoas virei um E.T., pois nunca assisti nenhum. As pessoas não se conformam em saber disso. Sempre me perguntam: mas nunca assistiu mesmo? Por que? Simplesmente não me interesso por esse tipo de programas. Aliás, a TV anda muito árida para meu gosto. Prefiro um bom livro, um bom filme em DVD ou simplesmente escrevo. Tenho certeza que não perco nada. Muito pelo contrário! Mas confesso que a cada dia mais sinto-me isolada da mediocridade geral. Qualquer dia acho que vou parar num zoológico como animal em extinção. Beijos

    Curtir

    Responder

    • Roseli, assino e reconheço firma, kkk! Me dê o endereço do zoológico que vamos iniciar uma comunidade lá. Pode ser que se torne um novo mundo e o pessoal de fora é que seja extinguido, eu espero.
      Adorei seu comentário e adoro ler os seus escritos.
      Um beijo

      Curtir

      Responder

  6. Manô, a moda dos últimos tempos é ser imbecil e para ajudar a divulgar essa grande tendência, existem os chamados reality shows. E não é só a globo que ajuda nessa divulgação, várias emissoras de tv já aderiram à moda. Ser culto? Quem é que quer? O povo quer mesmo é ver esculhambação de pessoas que são tratadas pelo próprio apresentador do BBB de heróis! Quanta imbecilidade. Essa moda aí, eu não sigo nunca! O texto é ótimo!
    Bom finalzinho de domingo, querido!
    beijos da Ana

    Curtir

    Responder

  7. Posted by Lola Maria on 19 de janeiro de 2014 at 16:19

    Manô,
    Com certeza já deve ter lido o romance de George Orwell, 1984 e nele há uma passagem que é o lema do “partido” onde diz – “Guerra é paz, Liberdade é escravidão, Ignorância é força.”
    Pois bem, melhores palavras eu não conseguiria encontrar para retratar a nossa sociedade.
    Vivemos em uma oligarquia disfarçada de democracia.
    E concordo com a Chris e a Paulinha, quando elas dizem que é o fim dos tempos em que apenas seguir os instintos é o suficiente para se “viver”.
    Uma grande pena.
    Saudades de meu Amigo Querido.
    Beijos e uma abraço bem apertado
    LOla

    Curtir

    Responder

    • Lola, minha querida. Muito bem lembrado o 1984. Me lembro perfeitamente e até ficava assustado com isso, mas agora… é uma grande pena mesmo.
      Também tenho saudades. Não tenho escrito para você para que você não precise se preocupar em estar escrevendo.
      Um beijo com muito carinho,
      Manô

      Curtir

      Responder

      • Posted by Lola Maria on 19 de janeiro de 2014 at 16:35

        Mano,
        vc pode escrever sempre que quiser! Eu já estou ficando mais “fortinha” e ontem a Mamãe lá do Brasil me deu uma “dura” risos, ela disse quem manda no teu corpo é você e não ao contrário, então pode tratar de brigar com a dor que você é muito mais forte.
        Se a Mamãe manda eu agora obedeço. Promessa de ano novo, obedecer a todos os conselhos de Mãe. (nunca é tarde né?)
        Beijos
        Lola

        Curtir

        Responder

        • Lola, putz! Foi a melhor notícia que recebi hoje. Parabéns à sua mãe pela iniciativa e muito mais para você que acatou o conselho. Que bom! Você é forte mesmo. Fico feliz e volto a escrever.
          Um beijo no seu coração e no da sua mãe querida,
          Manô

          Curtir

          Responder

  8. Eu só posso dizer que lamento… E às vezes escuto brasileiros (que vivem aqui na China e não conseguem se desconetar do Grande Irmão Global), comentando entre eles qual será o eliminado da semana. É os fim dos tempos… só pode.

    Curtir

    Responder

  9. sabe como um dia havia o medo da ditadura e as imposições e limitações que ela impunha na sociedade? pois a ditadura acabou e a liberdade é o que o ser humano mais idealiza. mas só não nos damos conta ainda que estamos longe de sermos livres. a sociedade que vivemos hoje usa de seus truques e distrações, do gozo dos prazeres, para nos aprisionar a uma cultura em que não precisamos pensar, só seguir nossos instintos como cachorros.
    amigo, adoro esses textos que vc traz aqui.
    beijos e bom domingo

    Curtir

    Responder

MUITO BOM COMPARTILHAR COM VOCÊ !

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Antes de Adormecer

Sobre amor e outras coisas

PANELA EUROPÉIA

O mundo numa panela só

Um Palco de Teatro

Poesias, Textos, Frases e Reflxões sobre o amor e a vida.

Sopa de Letras

Literatura, Cinema, Música, Educação e outros temas.

ESTRANHAMENTE

#poesia #crônica #fotografia

versaopaulo

cultura e história da cidade

Vida Legal

Porque a vida é muito mais interessante que a ficção.

imperfeitoparaiso

Aleatoriedades

Blog do Óbvio

Assuntos Diversos e Diversos Assuntos

Poesias e Cia - Ana de Lourdes Teixeira

Sem pretensões... O único desejo é compartilhar com as pessoas o que escrevo.

A DOSE DO DIA

O dia mais bem humorado da semana ;)

Realize Criatividade

por Patrícia de Azevedo

frascodememorias.wordpress.com/

“Le souvenir est le parfum de l´âme” – (George Sand).

Blog Caderno da Lua

#ApoioAutoresNacionais

Meio pão e um livro

Eu, se tivesse fome e estivesse à míngua na rua, não pediria um pão; pediria meio pão e um livro. (García Lorca)

O Outro Lado

Porque o melhor lado é o dentro

Abstract Art by Sharon Cummings

An artist with an irresistible urge to create!

Compasso Lento

Leia com passo lento...

Devir

O que vejo, sinto e imagino em letras.

Posso Dar Uma Dica?

Dicas para facilitar o dia a dia

essa tal de Alemanha

Crônicas do dia a dia

Letíciando

por Letícia Siller

Clau Assi, poesias.

Sonhos, realidades e poesias.

EscreViver

"O que é mais difícil não é escrever muito; é dizer tudo, escrevendo pouco" [Júlio Dantas]

It's a very deep sea

Um site sobre palavras

Divergências Vitais

Memórias, dicas e "causos" de uma brasileira vivendo na Alemanha.

o meu sofá cinzento

espaço reservado a desabafos tipo assim um bocadinho "crazy" "or not"

Vida de Mil Fases

São fases da vida,elucubrações variadas. É um túnel do tempo, é uma realidade inventada.

Pensamentos In_Versos

No vício da escrita, encontram-se os ditos, os amantes, os gritos internos e todos os avessos...

Trotamundos

by Tati Sato

Simplesmente Lola

Eu e minhas aventuras

Bloco de notas

Escrever é como uma terapia, um socorro, uma esperança. Estando feliz, apaixonada, triste, decepcionada escrevo, pois sei que lendo-me consigo me entender. Escrever é como fugir para um mundo secreto, meu universo particular onde não é proibido sonhar.

Minha Vida Comigo

Um câncer foi o gatilho que me fez querer viver a vida como protagonista. Vânia Castanheira - Medical, Health & Wellness Coach - ACC/ICF

Catarina voltou a escrever,

com vírgulas, pontos e dúzias de reticências...

Mariel Fernandes

A vista do meu ponto e outros pontos de vista

This German Life

um blog sobre nós dois (três) e a Alemanha

Diário de uma Teimosa

dicas de Estocolmo e da vida na Suécia

Eis a questão ...

Um blog realmente pessoal, que guarda um pouquinho de tudo aquilo que a autora gosta, faz, inventa, cozinha, desenha. Por isso, não precisa fazer sentido, não tem pretensões de seguir uma linha ou chegar a algum lugar específico: apenas existe para registrar, guardar e compartilhar um pouco dessas coisas de Olivia.

%d blogueiros gostam disto: