POSSO MEDIR O TANTO QUE SOU FELIZ ?

Imagemby Ricardo Sá

Muitos de nós já compreenderam o valor que as coisas possuem.

As tormentas vão nos ensinando que o mar da vida só pode ser atravessado com o essencial na mochila, não é mesmo?

Daí, a felicidade torna-se simplesmente a maneira como a gente é capaz de dar a vida aos outros, fazendo-os felizes, agindo com educação, gentileza, crescendo em sinceridade, aprendendo a ser amigo, simples, altruísta, acolhedor, carinhoso, generoso…

 Entendeu?

Nada de complicado!

Eis a medida da felicidade que a gente vive!

* Simples, não acham???!!!

Anúncios

12 responses to this post.

  1. Manoel, gostei tanto da analogia da “mochila”. 🙂 Sem dúvida que para ser feliz é necessário apenas o essencial: amar e ser amado. Uma lição simples, que por vezes parece difícil. Beijo (adorei o novo visual do blog!)

    Curtir

    Responder

  2. Manô,

    “Essa escuridão não tem fim nem fronteiras; essa escuridão é o infinito que cada um de nós traz dentro de si (sim, se alguém busca o infinito, basta fechar os olhos para encontrá-lo!!).” (Kundera em “A Insustentável Leveza Do Ser”) Penso que talvez com a felicidade seja a mesma coisa. Apenas devemos deixá-la acontecer.

    Fico imensamente feliz em saber que estás feliz hoje! Só posso desejar que essa felicidade se estenda por todos os seus dias, e isso não significa ausência de problemas, mas paz ao passar por eles.

    Obrigada sempre! Gr. Bj.!

    Curtir

    Responder

    • Cris, li a Insustentável Leveza do Ser. Gostei muito e achei que o Milan Kundera conseguiu popularizar o ato de pensar mais fundo porque muitas pessoas de diversos níveis culturais leram e também muitas escolas fizeram debates sobre o livro no curso médio.
      Achei muito legal esse seu paralelo e concordo com você. Muitas vezes somos barreiras para as coisas mais simples acontecerem. A gente acha muito fácil e já desiste logo. Vamos deixar acontecer!

      Fico feliz por você ter gostado de me ver feliz (rs…rs). Que felicidade enrolada essa que escrevi…
      E você definiu muito bem que isso não significa ausência de problemas. Significa paz mesmo e paz conseguida por não impedir que as coisas aconteçam. É importante e inteligente manter essa paz.

      Você mora no meu coração sempre e com IPTU grátis. Água e luz por minha conta!
      Gr. Bj.!
      Manô

      Curtir

      Responder

  3. Manoel,
    É tão simples… e parece tão complicado para um grande número de possoas…
    E se o problema fosse a memória?
    Sim, ela mesma! Porque todos nós temos tendência a esquecer essa grande verdade para nos perder por outros caminhos…
    Um grande abraço 🙂

    Curtir

    Responder

  4. Acho que ainda nos falta entender esse “essencial dentro da mochila”. Além de pertences materiais, carregamos tantos sentimentos que só fazem peso e nada nos acrescentam.
    Beijo!

    Curtir

    Responder

  5. Manoel, de tão simples que é torna-se tão complicado!!! rsrs
    Beijo

    Curtir

    Responder

  6. Simples e puro. Ser feliz não custa muito.

    Beeijo amigo fofo

    Curtir

    Responder

MUITO BOM COMPARTILHAR COM VOCÊ !

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

PANELA EUROPÉIA

O mundo numa panela só

Um Palco de Teatro

Poesias, Textos, Frases e Reflxões sobre o amor e a vida.

Sopa de Letras

Literatura, Cinema, Música, Educação e outros temas.

versaopaulo

cultura e história da cidade

Vida Legal

Porque a vida é muito mais interessante que a ficção.

imperfeitoparaiso

Aleatoriedades

Blog do Óbvio

Assuntos Diversos e Diversos Assuntos

Poesias e Cia - Ana de Lourdes Teixeira

Sem pretensões... O único desejo é compartilhar com as pessoas o que escrevo.

A DOSE DO DIA

O dia mais bem humorado da semana ;)

Realize Criatividade

por Patrícia de Azevedo

frascodememorias.wordpress.com/

“Le souvenir est le parfum de l´âme” – (George Sand).

Blog Caderno da Lua

#ApoioAutoresNacionais

Meio pão e um livro

Eu, se tivesse fome e estivesse à míngua na rua, não pediria um pão; pediria meio pão e um livro. (García Lorca)

O Outro Lado

Porque o melhor lado é o dentro

Abstract Art by Sharon Cummings

An artist with an irresistible urge to create!

Compasso Lento

Leia com passo lento...

Devir

O que vejo, sinto e imagino em letras.

Posso Dar Uma Dica?

Dicas para facilitar o dia a dia

essa tal de Alemanha

Crônicas do dia a dia

Letíciando

por Letícia Siller

Clau Assi, poesias.

Sonhos, realidades e poesias.

EscreViver

"O que é mais difícil não é escrever muito; é dizer tudo, escrevendo pouco" [Júlio Dantas]

It's a very deep sea

Um site sobre palavras

Divergências Vitais

Memórias, dicas e "causos" de uma brasileira vivendo na Alemanha.

o meu sofá cinzento

espaço reservado a desabafos tipo assim um bocadinho "crazy" "or not"

Vida de Mil Fases

São fases da vida,elucubrações variadas. É um túnel do tempo, é uma realidade inventada.

Pensamentos In_Versos

No vício da escrita, encontram-se os ditos, os amantes, os gritos internos e todos os avessos...

Trotamundos

by Tati Sato

Simplesmente Lola

Eu e minhas aventuras

Bloco de notas

Escrever é como uma terapia, um socorro, uma esperança. Estando feliz, apaixonada, triste, decepcionada escrevo, pois sei que lendo-me consigo me entender. Escrever é como fugir para um mundo secreto, meu universo particular onde não é proibido sonhar.

Minha Vida Comigo

Um câncer foi o gatilho que me fez querer viver a vida como protagonista. Vânia Castanheira - Medical, Health & Wellness Coach - ACC/ICF

Catarina voltou a escrever,

com vírgulas, pontos e dúzias de reticências...

Mariel Fernandes

A vista dos meus pontos

This German Life

um blog sobre nós dois (três) e a Alemanha

Diário de uma Teimosa

dicas de Estocolmo e da vida na Suécia

Eis a questão ...

Um blog realmente pessoal, que guarda um pouquinho de tudo aquilo que a autora gosta, faz, inventa, cozinha, desenha. Por isso, não precisa fazer sentido, não tem pretensões de seguir uma linha ou chegar a algum lugar específico: apenas existe para registrar, guardar e compartilhar um pouco dessas coisas de Olivia.

Sacudindo as ideias

Exercícios literários, escrita solta, pensamentos...

%d blogueiros gostam disto: