NAMORAR UMA PESSOA MAIS VELHA DÁ CERTO ?

FormacaoAdriano Gonçalves

Muitas pessoas vivem em um namoro literalmente uma “neura” de seus desejos e aspirações.

O namoro é um tempo fantástico de conhecimento da pessoa com quem namoramos. Eu busco conhecê-la e ela o mesmo. Nisto de fato acontecerão pontos de convergência e divergência. Afinal são duas pessoas diferentes, de contextos diferentes, educação diferentes, as vezes de culturas diferentes e por ai vai. Quis até enfatizar a repetição da palavra “diferentes” pois um namoro para dar certo ele não pode ser a somatória do que se tem como “iguais” mas sim a capacidade de acordos frente aos “diferentes”.

O que é igual raramente será um problema a ser resolvido entre vocês dois, a menos que o social exija isso de vocês e ai vocês dois terão que juntos buscar o “acordo”. O que “pega” são os diferentes. E ai onde mora a “caixa de pandora” da crise mas também se encontra o “pó de pirlimpimpim” para o sucesso a dois. Só pessoas capazes de fazer acordos livres e saudáveis entre os “diferentes” se beneficiam de maneira madura de uma relação afetiva! Ambos crescem!

Com base nisto que falei acima podemos pensar um pouco sobre a pergunta que intitula este texto: “ Namorar uma pessoa mais velha dá certo?”

O simples fato de namorar uma pessoa mais velha não é caso de dar errado ou certo, o detalhe não está numa questão de idade mas na capacidade de lidar com os diferentes. E isto vale para até quem é da mesma idade!

A primeira coisa a desmitificar é que nem sempre sua idade cronológica bate com sua idade afetiva. Podemos perceber isso em pessoas com 30,40 anos que tem uma idade afetiva beirando os 15, 20 anos. Até mesmo um de 20,30 anos com idade afetiva beirando os 40, 50 ( nem por isso ele é maduro – maturidade é a idade afetiva compativel ao que se espera de sua idade cronológica +- isso) . Então idade cronológica não define muita coisa!

A segunda coisa é “ o que de fato me impulsiona neste relacionamento?” Muitas pessoas vivem em um namoro literalmente uma “neura” de seus desejos e aspirações. Deposita no outro suas “esperanças” “expectativas” e “faltas” . Nesta hora te digo caminho a beira do suicídio da relação. Ai podemos pensar que pessoas de idades mais aproximadas tenham mais possibilidades de se encontrarem quando as aspirações e vivencias de vida e isso já é um ganho. Pessoas com vivencias diferentes terão que fazer muito mais acordos na relação. Por exemplo: Um rapaz no auge dos seus 20 anos pensando na faculdade, curso e intercâmbio namorando uma mulher de 30 anos já formada com doutorado nas mãos já pensando em ser mãe e se casar. Pode dar certo sim, mas terão que fazer muito mais acordos para solidificar a relação. Ai te digo o que dará sucesso ou não a relação serão o quanto as motivações de cada um forem em prol da relação e dos dois e nunca fechado no particular de cada um. (obs. usei o rapaz mais novo e mulher mais velha mas o mesmo diria de uma mulher mais nova e uma homem mais velho)

Terceira coisa não fazer do relacionamento um jogo de projeções. Isso pode acontecer quando a diferença de idade na verdade é um reflexo de uma busca louca em encontrar no outro o que não tive ou me falta. Por exemplo querer namorar uma menina mais nova para ser ter uma “sensação de permanecer o eterno garoto”. Ou namorar uma mulher mais velha querendo assim os cuidados mais “maternos” do que de fato de uma namorada .

Um quarto e último ponto que gostaria de tocar é o quanto neste namoro de pessoas de idades diferentes há uma cumplicidade e verdade frente ao que cada um sente. Pois se isto for uma aliança frágil, as pressões da família, da sociedade, dos amigos enfraquecerão a relação. Ou seja, o que cada um sente é forte o bastante para que o relacionamento prossiga? Ou o olhar do outro sobre vocês será persecutório demais não fazendo vocês suportarem?

Enfim o sucesso de um relacionamento não depende muito das diferenças das idades mas sim no quanto as motivações, maturidade, projeções e desejos estão afinados. O quanto de fato esta relação de namoro enriquece ambos na construção de uma família sólida e feliz! Lógico é bom ficar atendo as discrepâncias tão grandes que possam surgir. Tipo um cara de 20 anos querer namorar uma mulher de 60, ou uma de 60 namorar um rapaz de 20 denuncia muita coisa não? Será que quero uma mulher ou avó para cuidar de mim? Termino este texto não querendo ser polêmico ou preconceituoso mas sim para fazer refletir o que de fato tem nos movimentado!

* Simples e prático, não acham???!!!

Adriano Gonçalves - Canção Nova

Adriano Gonçalves

Anúncios

11 responses to this post.

  1. Posted by MARA RODRIGUES on 18 de setembro de 2015 at 11:08

    AMOR NÃO TEM IDADE,DESDE QUE HÁ RESPEITO, COMPARTILHAMENTOS DOS PROBLEMAS POSITIVOS E NEGATIVOS E PRINCIPALMENTE VIVER O MOMENTO DOS DOIS E NÃO O QUE OS OUTROS ACHAM OU PENSAM, PORÉM QUEM ESTÁ VIVENDO SÃO DUAS PESSOAS, E NÃO 3 OU MAIS PESSOAS.

    Curtir

    Responder

  2. Passeando…passeando…
    deixando um grito de saudades!!!

    Curtido por 1 pessoa

    Responder

  3. Manô
    Gostei muito deste texto! Acho que o importante é mesmo a relação e o sentimento que une dois seres e que os fortifica suficientemente para poder resolver todas as dificuldades que possam surgir de eventuais diferenças (sejam elas devidas à idade, à cultura, ou a qualquer outro aspeto).
    Afinal, se o amor é sincero, os acertos, renuncias ou partes a ceder, não parecerão esforços e não causarão ressentimento, porque serão concedidas por amor e nada mais…
    Obrigada pela reflexão!
    Um beijinho s.n. 🙂

    Curtir

    Responder

  4. Manô
    Gostei muito deste texto! Acho que o importante é mesmo a relação e o sentimento que une dois seres e que os fortifica suficientemente para poder resolver todas as dificuldades que possam surgir de eventuais diferenças (sem elas devidas à idade, à cultura, ou a qualquer outro aspeto).
    Afinal, se o amor é sincero, os acertos, renuncias ou partes a ceder, não parecerão esforços e não causarão ressentimento, porque serão concedidas por amor e nada mais…
    Obrigada pela reflexão!
    Um beijinho s.n. 🙂

    Curtir

    Responder

  5. Posted by Lola Maria on 28 de outubro de 2014 at 15:58

    Mano que saudades de vc!
    E também sou do pensamento que o amor é por si só maior que qualquer coisa.
    Beijo cheio de saudades
    Lola

    Curtido por 1 pessoa

    Responder

  6. O amor, meu caro, não escolhe idade!!!

    Curtido por 1 pessoa

    Responder

  7. “o detalhe não está numa questão de idade… ” para mim , Manoel, fica aqui tudo dito.
    beijo
    Mia

    Curtir

    Responder

  8. Queria namorar com uma pessoa mais velha do que eu e digo mais velha, mais velha mesmo… que seja ao mesmo tempo ativo, mas também que aprecie as boas coisas da vida. Um homem maduro sabe agradar muito melhor uma mulher.

    K!

    Curtido por 1 pessoa

    Responder

MUITO BOM COMPARTILHAR COM VOCÊ !

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

PANELA EUROPÉIA

O mundo numa panela só

Um Palco de Teatro

Poesias, Textos, Frases e Reflxões sobre o amor e a vida.

Sopa de Letras

Literatura, Cinema, Música, Educação e outros temas.

versaopaulo

cultura e história da cidade

Vida Legal

Porque a vida é muito mais interessante que a ficção.

imperfeitoparaiso

Aleatoriedades

Blog do Óbvio

Assuntos Diversos e Diversos Assuntos

Poesias e Cia - Ana de Lourdes Teixeira

Sem pretensões... O único desejo é compartilhar com as pessoas o que escrevo.

A DOSE DO DIA

O dia mais bem humorado da semana ;)

Realize Criatividade

por Patrícia de Azevedo

frascodememorias.wordpress.com/

“Le souvenir est le parfum de l´âme” – (George Sand).

Blog Caderno da Lua

#ApoioAutoresNacionais

Meio pão e um livro

Eu, se tivesse fome e estivesse à míngua na rua, não pediria um pão; pediria meio pão e um livro. (García Lorca)

O Outro Lado

Porque o melhor lado é o dentro

Abstract Art by Sharon Cummings

An artist with an irresistible urge to create!

Compasso Lento

Leia com passo lento...

Devir

O que vejo, sinto e imagino em letras.

Posso Dar Uma Dica?

Dicas para facilitar o dia a dia

essa tal de Alemanha

Crônicas do dia a dia

Letíciando

por Letícia Siller

Clau Assi, poesias.

Sonhos, realidades e poesias.

EscreViver

"O que é mais difícil não é escrever muito; é dizer tudo, escrevendo pouco" [Júlio Dantas]

It's a very deep sea

Um site sobre palavras

Divergências Vitais

Memórias, dicas e "causos" de uma brasileira vivendo na Alemanha.

o meu sofá cinzento

espaço reservado a desabafos tipo assim um bocadinho "crazy" "or not"

Vida de Mil Fases

São fases da vida,elucubrações variadas. É um túnel do tempo, é uma realidade inventada.

Pensamentos In_Versos

No vício da escrita, encontram-se os ditos, os amantes, os gritos internos e todos os avessos...

Trotamundos

by Tati Sato

Simplesmente Lola

Eu e minhas aventuras

Bloco de notas

Escrever é como uma terapia, um socorro, uma esperança. Estando feliz, apaixonada, triste, decepcionada escrevo, pois sei que lendo-me consigo me entender. Escrever é como fugir para um mundo secreto, meu universo particular onde não é proibido sonhar.

Minha Vida Comigo

Um câncer foi o gatilho que me fez querer viver a vida como protagonista. Vânia Castanheira - Medical, Health & Wellness Coach - ACC/ICF

Catarina voltou a escrever,

com vírgulas, pontos e dúzias de reticências...

Mariel Fernandes

A vista dos meus pontos

This German Life

um blog sobre nós dois (três) e a Alemanha

Diário de uma Teimosa

dicas de Estocolmo e da vida na Suécia

Eis a questão ...

Um blog realmente pessoal, que guarda um pouquinho de tudo aquilo que a autora gosta, faz, inventa, cozinha, desenha. Por isso, não precisa fazer sentido, não tem pretensões de seguir uma linha ou chegar a algum lugar específico: apenas existe para registrar, guardar e compartilhar um pouco dessas coisas de Olivia.

Sacudindo as ideias

Exercícios literários, escrita solta, pensamentos...

%d blogueiros gostam disto: